O fim do Google+: uma nova oportunidade pra empresas?

Google Plus

O Google+ é uma rede social que foi criada em junho de 2011 com o intuito de agregar os serviços da Google, tais como Google Account, Google Fotos, Play Store, Youtube e Gmail.

De início, só era possível inscrever-se na rede através do convite.

A demanda foi tanta que, em 09/2011, abriu-se para pessoas acima de 18 anos. Em janeiro de 2012, para pessoas acima de 13 anos.

Mesmo sem alcançar a popularidade do seu rival Facebook, o Google+ seguia bem e contava com 375 milhões de usuários ativos.

Entretanto, 08/10/2018 foi anunciado que a rede deixará de existir por conta de um erro na API do Google+People.

E pode ter exposto os dados de mais de 500 mil usuários para desenvolvedores de aplicativos.  

Contudo, o Google+ não será totalmente terminado, como foi feito com o Orkut.

Segundo a empresa, a rede social será mantida para usuários corporativos. Contará com um novo sistema de segurança e novas configurações de privacidade.

Segundo Ben Smith, Google Fellow e vice-presidente de engenharia da empresa:

“nossa análise mostrou que o Google Plus é mais adequado como um produto corporativo. No qual os colegas de trabalho podem participar de discussões internas em uma rede social corporativa segura”.

Assim, a nova rede contará com recursos para colaborar com o fluxo de trabalho e comunicação dentro da empresa, ajudando os funcionários a acompanhar discussões que sejam interessantes as suas funções.

Se você utilizava o Google+, mas acima de tudo planeja continuar sua empresa em outras redes sociais, nós podemos te ajudar a gerenciá-las. É só entrar em contato!

Etiquetas: , ,

WhatsApp chat